Sindicato Interestadual da Indústria de Materiais e Equipamentos Ferroviários e Rodoviários

Frota de motocicletas cresce no Brasil

26 de outubro de 2018


Want create site? With Free visual composer you can do it easy.

Como alternativa para fugir do trânsito nas metrópoles, a presença de motocicletas nas ruas está cada vez mais alta. Hoje, a frota de duas rodas avança nas cidades menores e já ultrapassa o número de carros na maior parte dos municípios de 17 estados do país – todos os das regiões Norte e Nordeste, além do Mato Grosso, no Centro-Oeste.

 

Essas informações foram publicadas em um estudo da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), obtido pelo jornal O Estado de S. Paulo, e aindamostra que a frota de motocicletas no País é de 26,4 milhões de unidades, o que representa uma para cada 7,86 habitantes. Em relação ao ano passado, houve aumento de 3,44%. No total, há mais motos do que carros circulando nas ruas em 46% dos municípios. No Nordeste, o número alcançou a marca de 7,49 milhões, ante 6,67 milhões de carros nas ruas. Já no Norte há 2,49 milhões de motos ante 1,67 milhão de automóveis.

 

Para o presidente da CNM, Glademir Aroldi, ex-prefeito de Saldanha Marinho (RS), o crescimento na aquisição de motos está relacionado à facilidade no crédito, ao baixo preço das prestações e aos incentivos e isenções do governo federal ao mercado, além da deficiência dos serviços de transporte público. Ele destaca, por outro lado, fatores de preocupação. “Isso cria algumas situações, como um maior número de acidentes no trânsito. Afeta o SUS (Sistema Único de Saúde), aumenta as aposentadorias por invalidez e retira do mercado de trabalho jovens no auge de sua força de trabalho”, diz Aroldi.

 

Segundo Glademir, o estudo da CNM tem como principal objetivo aprimorar políticas públicas. “São dados que precisamos avaliar para um melhor planejamento. Os gestores públicos municipais precisam dar mais atenção à mobilidade urbana.”.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.